Paulo Leminski

sossegue coração
ainda não é agora
a confusão prossegue
sonhos a fora

calma calma
logo mais a gente goza
perto do osso
a carne é mais gostosa

|

Quer comentar?

Campos necessários *

*
*