- nada pessoal - http://nadapessoal-com-br.umbler.net -

Velho lobo

“Conforme ficamos velhos, rituais vão se colando ao nosso dia, como uma craca ao barco antigo. De repente, percebemos que não saímos mais de casa sem uma meia extra, ou que não lemos romances em papel muito branco, ou que não temos paciência para assistir a trailers no início da sessão, e aguardamos na sala de espera do cinema até que o filme comece. Parece que precisamos aumentar nossos automatismos, nossas manias, caracterizando uma região mais extensa da vida como nossa, e delimitando assim, como os lobos quando urinam, nosso território.” Esse é Nuno Ramos, citado pelo Biel Carpenter [1] nos comentários do post Saber Envelhecer [2]. Muito, muito bacana!